Certificado digital é um arquivo eletrônico que serve como identidade virtual para uma pessoa física ou jurídica, e por ele pode se fazer transações online com garantia de autenticidade e com toda proteção das informações trocadas

Quais os tipos de Certificados Digitais?

Atualmente existem dois tipos principais de certificado, o modelo A1 e o A3, além de certificados digitais para pessoas físicas e jurídicas.

Relacionamos abaixo as principais modelos de certificados:

Certificado A1

O Certificado Digital do tipo A1 é um arquivo digital que deve ser instalado diretamente em um computador.

É emitido tanto para Pessoas Físicas quanto as Jurídicas e tem validade de até 1 (um) ano.

Conheça as principais vantagens do Certificado A1: permite a criação de cópias para outras máquinas, é possível fazer backup de segurança do arquivo, pode ser hospedado no servidor da empresa ou importado em softwares de emissão de nota fiscal eletrônica, no qual a assinatura é feita de forma automatizada!

Certificado A3

O Certificado Digital do tipo A3 é um arquivo digital gerado e armazenado em um dispositivo móvel como o token (parecido com um pendrive) ou o smart card (parecido com um cartão bancário com chip).

É emitido tanto para Pessoas Físicas quanto Jurídicas e tem validade de no mínimo 1 (um) e no máximo 3 (três) anos.

Conheça as principais vantagens do Certificado A3: é portátil, ou seja, pode ser levado e utilizado em qualquer computador, é inviolável e tem um nível de segurança elevado, pois não pode ser extraído ou copiado para outra mídia e, somente o detentor da senha de acesso consegue usá-lo.

Certificado e-CNPJ ou e-PJ

Conhecido popularmente como e-CNPJ ou e-PJ, o certificado digital pessoa jurídica é vinculado ao representante legal ou procurador de uma empresa, com cadastro ativo na Receita Federal.

O seu uso confere autenticidade, confidencialidade, integridade e o não repúdio aos serviços realizados por meio dele na internet.
Contém informações como razão social, CNPJ, nome, RG, CPF e data de nascimento do usuário, além do prazo de validade, que pode ser de 1 a 3 anos.

O e-CNPJ já faz parte da rotina de muitas empresas e, em alguns casos, é indispensável para estabelecer a comunicação com os órgãos do Governo.

Isso porque a ferramenta promove praticidade, celeridade nos processos, redução de custos com deslocamentos, impressão e papeis.

É uma tecnologia aliada à sustentabilidade.

Onde utilizar o e-CNPJ?

  • Receita Federal: CAGED, DIRF, PERDCOMP, DACON, DBF, DCIDE, DCP, DEREX, DCTF, CRED, DIF, DIMOB, DIMOF, DIPI-TIP, DNF, DSPJ, DTTA, e-CAC, Homolognet, RAIS, SICONFI, SIL, Leilões eletrônicos;
  • SEFAZ: NF-e, NFA-e, NFC-e, NFS-e, CT-e, DF-e;
  • Governo: SISCONSIG;
  • Saúde: DMED, TISS;
  • MEC: PROUNI;
  • Segurança Privada: GESP;
  • Detran: e-CNHsp;
  • Setor Público: ITR, DERC;
  • SPED: ECD, EFD, ECF, eSocial;
  • Caixa Econômica: FGTS, e-APS, Conectividade Social ICP;
  • Zona Franca de Manaus: SUFRAMA;
  • Parcelamento eletrônico online de débitos Pessoas Jurídicas;
  • Retificação do DARF;
  • Provisão de Procuração Eletrônica;
  • Assinatura de e-mails, documentos e contratos digitais da Pessoa Jurídica;
  • Dentre outros serviços.

Tipos de e-CNPJ

Existem dois tipos principais de Certificado Digital e-CNPJ:

  • e-CNPJ A1: gerado e armazenado diretamente em um computador, com validade de 1 ano;
  • e-CNPJ A3: gerado e armazenado diretamente em uma mídia criptográfica (token ou smart card), com validade de 1 a 3 anos.

Atenção: Na hora de escolher o seu e-CNPJ, informe se há alguma restrição para uso do tipo A1 ou A3, na operação na qual pretende utilizá-lo.

Certificado e-CPF

É a versão eletrônica do CPF, indicada para pessoas e profissionais liberais, como: contador, advogado, médico, engenheiro, agrônomo, militar etc.

Onde utilizar o e-CPF?

  • Receita Federal: CAGED, DIPF, DIRF, PERDCOMP, DACON, DEREX, DIMOB, DIMOF, DSPJ, e-CAC, IRPF, Homolognet, RAIS, SICONFI, SIL;
  • SEFAZ: NFA-e;
  • Governo: Empresa Simples, SISCONSIG;
  • Saúde: DMED, SISREI, TISS;
  • MEC: PROUNI;
  • Detran: e-CNHsp;
  • SPED: ECD, EFD, ECF, eSocial;
  • Caixa Econômica: FGTS, e-APS, Conectividade Social ICP;
  • Perícia Judicial;
  • Justiça: PJ-e, e-DOC, e-PET, e-STJ
  • Siscomex (comércio exterior);
  • Provisão de Procuração Eletrônica;
  • Assinatura de e-mails, documentos e contratos digitais da Pessoa Física, além de Prontuário Eletrônico de Paciente (PEP);
  • Dentre outros serviços.

Tipos de e-CPF

Existem dois tipos principais de Certificado Digital e-CPF:

  • e-CPF A1: gerado e armazenado diretamente em um computador, com validade de 1 ano;
  • e-CPF A3: gerado e armazenado diretamente em uma mídia criptográfica (token ou smart card), com validade de 1 a 3 anos.

Atenção: Na hora de escolher o seu e-CPF, informe se há alguma restrição para uso do tipo A1 ou A3, na operação na qual pretende utilizá-lo.

Documentação original necessária para emissão do seu e-CPF

  • CNH ou RG e CPF do titular;
  • Comprovante de endereço residencial atualizado;
  • Título de Eleitor (opcional);
  • PIS, PASEP, NIT (opcional);
  • CEI (caso seja empregador).

Certificado Digitais Específicos

Certificado para NF-e

O Certificado Digital para Nota Fiscal Eletrônica – NF-e é indicado para empresas de todos os portes e setores, que precisam emitir o documento fiscal.

A pessoa é associado ao CNPJ da empresa, mas contém o CPF da pessoa que o utilizará, portanto, não precisa ser necessariamente o representante legal da organização.

Esse é o diferencial do Certificado NFe: você pode escolher um funcionário da sua empresa para essa atribuição.

Onde utilizar o Certificado NF-e?

  • Nota Fiscal Eletrônica – NF-e;
  • Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica – NFC-e;
  • Nota Fiscal Avulsa Eletrônica – NFA-e;
  • Nota Fiscal de Serviços Eletrônica – NFS-e
  • Conhecimento de Transporte Eletrônico – CT-e;
  • Documentos Fiscais Eletrônicos – DF-e.

Tipos de Certificado NF-e

Existem dois tipos principais de Certificado Digital NF-e:

  • NF-e A1: gerado e armazenado diretamente em um computador, com validade de 1 ano;
  • NF-e A3: gerado e armazenado diretamente em uma mídia criptográfica (token ou smart card), com validade de 1 a 3 anos.

Atenção: Na hora de escolher o tipo do seu NF-e, informe se há alguma restrição para uso do tipo A1 ou A3 no sistema de emissão de notas fiscais eletrônicas que irá utilizar.

Certificado para CT-e

O Certificado Digital para Conhecimento de Transporte Eletrônico – CT-e é indicado para empresas que prestam serviços de transporte de cargas, em qualquer categoria: aéreo, rodoviário, ferroviário, aquaviário e dutoviário.

O sócio ou proprietário é associado ao CNPJ da empresa, mas contém o CPF da pessoa que o utilizará e, não precisa ser necessariamente o representante legal da organização.

Esse é o diferencial do Certificado CTe: você pode escolher um funcionário da sua empresa para essa atribuição.

Onde utilizar o Certificado CT-e?

  • Emissão de Conhecimento de Transporte Eletrônico – CT-e;
  • NF-e – Nota Fiscal Eletrônica;
  • NFC-e – Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica;
  • NFA-e – Nota Fiscal Avulsa Eletrônica;
  • NFS-e – Nota Fiscal de Serviços Eletrônica;
  • DF-e – Documentos Fiscais Eletrônicos.

Tipos de Certificado CT-e

Existem dois tipos principais de Certificado Digital CT-e:

  • CT-e A1: gerado e armazenado diretamente em um computador, com validade de 1 ano;
  • CT-e A3: gerado e armazenado diretamente em uma mídia criptográfica (token ou smart card), com validade de 1 a 3 anos.

Atenção: Na hora de escolher o tipo do seu CT-e, informe se há alguma restrição para uso do tipo A1 ou A3 no sistema de emissão de notas fiscais eletrônicas que irá utilizar.

O Certificado Digital é o documento eletrônico que identifica e gera a assinatura digital do seu titular.

É uma espécie de identidade virtual, emitida para diferentes entidades, dentre elas a pessoa jurídica.

O Certificado Digital para Pessoa Jurídica (e-CNPJ ou e-PJ) é um documento eletrônico que representa empresas, corporações e instituições em atos praticados no universo digital.

É gerado por uma Autoridade Certificadora – como a Soluti – e pode ser do tipo A1, armazenado em computador, ou do tipo A3, armazenado em um dispositivo móvel, como o Token ou Smart Card.

Conheça as principais funcionalidades do Certificado Digital para Pessoa Jurídica: acesso aos serviços eletrônicos da Receita Federal (CAGED, DIRF, DIMOB, e-CAC etc), emissão de notas fiscais eletrônicas (NF-e, NFA-e, NFC-e, NFS-e, CT-e etc), assinatura de escriturações contábil e
fiscal (SPED Contábil e SPED Fiscal), assinatura de contratos digitais da empresa, dentre outros atributos.

É a versão eletrônica do CNPJ, indicada para empresas de todos os portes e setores.